Boa remuneração e incentivos melhoram o resultado

Bons incentivos melhoram o resultado

Assim como as declarações de missão, a remuneração é frequentemente mal interpretada. Na General Motors (GM), foi observado certa vez que os gerentes sempre ficavam gratos quando recebiam grandes bonificações, incentivos que melhoram resultados mas raramente sabiam o que haviam feito para merecê-las.

Na época, especialistas chamaram o processo de sistema desenvolvido para distribuir gratificações aos mais favorecidos, não necessariamente  para recompensar os  que mais contribuíram para o crescimento.  Na GM e em muitas outras grandes empresas, a remuneração, há muito tempo, é uma responsabilidade de especialistas, não uma ferramenta usada pelos gerentes para impulsionar o crescimento.

No Brasil, os programas de remuneração já tiveram grandes avanços nos últimos anos, gerando os processos mistos (fixo e comissões), os PLR (participação nos resultados, às vezes impostos por Sindicatos, mas sempre uma forma de motivar as pessoas), a meritocracia, usada por Ambev e outros grandes grupos, quando os melhores são premiados com vários salários de bônus e os piores correm o risco de serem demitidos.

Discussões sobre remuneração concentram-se em perguntas como as que se seguem:

  •  Quanto é apropriado ? – uma pergunta em cuja resposta gastam-se muitas horas e dólares em pesquisas exaustivas (cujo resultado é aumentar ainda mais os níveis salariais do setor – poucas empresas querem pagar pela “média” ou abaixo dela).
  •  A remuneração está sendo distribuída com justiça ? – uma preocupação importante que, se não for abordada, levará a desavenças internas e distrações  com relação ao verdadeiro propósito do negócio. No entanto, sozinha, a justiça salarial, uma exigência para qualquer empresa, não levará ao crescimento.
  •  Quais são as melhores formas de remuneração ? – uma questão que nunca ficará resolvida mas que leva a inúmeros estudos como formas inovadoras de remuneração associadas às últimas modificações na legislação tributária ou aos mais recentes modismos gerenciais.

Há uma preocupação mais fundamental sobre o impacto tangível da remuneração sobre as pessoas das quais uma empresa depende para crescer.

AVALIAR O IMPACTO DOS INCENTIVOS, NÃO AS TÉCNICAS

Os sistemas de incentivos e recompensas precisam ser “lidos” não da perspectiva das exigências técnicas ou legais ou das preocupações relacionadas à facilidade administrativa, mas sim para responder às seguintes perguntas:

Eles realmente estimulam as pessoas a prestarem atenção em quê ?

– O que realmente estão estimulando as pessoas a fazer ?

É uma boa medida manter os especialistas técnicos à distância até que os gerentes estejam se sentido à vontade com a compreensão dessas questões e possam também articular com clareza as seguintes perguntas :

– Para que aspecto do negócio a empresa precisará desviar sua atenção se quiser crescer ?

– Que ações serão necessárias ao crescimento por parte dos funcionários e gerentes que não estão ocorrendo atualmente ?

A lacuna entre as respostas a esses conjuntos de perguntas deve, então, definir a agenda para o uso mais produtivo dos profissionais de remuneração.

Nessa fase, em que a empresa pensa em reformular seus processos de remuneração e incentivos, as consultorias podem contribuir com um diagnóstico empresarial, que vai apontar alternativas mais viáveis, em equilíbrio com a capacidade financeira das empresas.

Quando os diagnósticos geram projetos de consultoria empresarial, os consultores alocados criam formas de remuneração baseados em melhorias dos kpi´s (indicadores de resultados), em formas de avaliação ou meritocracia, que permitem direcionar os rumos das empresas, para estabilidade e crescimento auto sustentável.

(Fonte: Crescer, não destruir, de Robert Tomask e Projetos de Produtividade e Gestão Empresarial realizados pelo autor).

Consultoria empresarial

Consultoria Empresarial é um serviço que oferece soluções que podem ser aplicadas em todos os negócios, porque não importa o  tamanho, sejam pequenos, médios ou grandes, sempre haverá oportunidades para evoluir na gestão das empresas.

Consultoria empresarial em São Paulo

Uma Consultoria Empresarial em São Paulo reúne “especialistas” em áreas ou segmentos de atuação das empresas clientes, com um conhecimento abrangente e experiências anteriores em projetos.

Leia também:

Depoimentos:

Para assistir depoimentos de nossos clientes clique aqui.

Para ler depoimentos de nossos clientes clique aqui.Sua Empresa Familiar necessita de ajuda? A Métodos Consultoria tem larga experiência em Reestruturar e Reorganizar Empresas Familiares. Entre em Contato.

Especialidades

A Métodos desenvolveu suas metodologias e modus operandis desde 1976 e sabe exatamente o que sua empresa precisa para alçar vôos maiores. Leia atentamente, marque uma visita e juntos, vamos estruturar um crescimento sólido e promissor:

Conheça gratuitamente, nossos SIMULADORES ESTRATÉGICOS.

São painéis Gráficos Dinâmicos CRIADOS COM FERRAMENTAS DE BUSINESS INTELLIGENCE – BI para:

Acesse gratuitamente dentro de nosso site no seguinte endereço:

https://consultoriaempresarialmc.com.br/simuladores-estrategicos/

Adaptado por: Prof.João Mariano de Almeida, administrador de empresas, com pós em RH e mestrando em Gestão de Negócios, atuando desde 1981, em T&D (para formar e reciclar lideranças), produtividade pessoal (redução dos ciclos das atividades), produtividade empresarial (processos, problemas, decisões) e inteligência de mercado (rever marketing, expandir vendas).

É autor do kit de áudiolivros “As 10 Dicas para o Sucesso da Empresa Familiar”  e consultor da Métodos Consultoria Empresarial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top
Open chat